Nosso objetivo quando criamos o blog era levar nossa Luiza para China para fazer o tratamento com células tronco! Enviamos toda documentação, fomos aceitos para o tratamento e não tínhamos o dinheiro... Na época uma media de R$100.000,00.
Conseguimos arrecadar com doações de amigos, parentes e especialmente pessoas desconhecidas que ficaram sabendo do blog e se propôs ajudar em torno de R$20.000,00.
Foram inúmeros contatos, ligações de Amor (lindas! que me
emocionavam muito e me dava força para continuar).
Portanto, com muita pesquisa e troca de informações com outras mães na mesma situação e principalmente as que já tinham viajado, DESISTIMOS!

Custo extremamente elevado para pouco ou talvez nenhum resultado!

Resolvemos então investir no Therasuit, na Equoterapia,
Hidroterapia etc...
Todos os tratamentos que trouxessem benefícios a ela, e tínhamos certeza de um bom resultado!
Foi uma ótima escolha!
Vejam vocês mesmo !
Obrigada TODOS que nos ajudaram, com palavras de apoio, com doações, com oraçoes...

Continuamos precisndo de sua ajuda ! Tratamentos carissimos , aparelhos para o bem estar dela com preços elevados , terapias diversas ... Não temos como caminhar sozinhos . Continuem ajudando , colaborem como puder !

Tudo muuuito bem vindo e válido! Ainda iremos postar sorrir e nos emocionar JUNTOS em ver aqui a nossa Lulu dando os primeiros passos!

Obrigada , obrigada , obrigada !






CELULAS TRONCO

Pra quem acha que o tratamento não é SEGURO ! 

Muitas pessoas acham que o tratamento com células tronco é inseguro, que nos submetemos a um procedimento que poderia causar câncer, que poderia haver rejeição por conta do sistema imunológico e outras coisas mais.
Para essas pessoas  hoje os americanos divulgaram uma pesquisa que confirma o que os chineses já estão fazendo comercialmente desde 2001.

Porém, para algumas pessoas, só tem validade se os “americanos” disseram que está certo, né?
Pois bem!
É para essas pessoas que eu tenho a SATISFAÇÃO de escrever agora.
Quem assistiu ao Jornal Nacional do dia 18/01/2010 viu na Reportagem de Abertura que os americanos fizeram  uma “Descoberta que revolucionou o tratamento de Leucemia”.
Todos nós sabemos que o grande problema do tratamento de Leucemia está JUSTAMENTE em encontrar um doador compatível.
A reportagem do Jornal Nacional mostrou que os americanos descobriram que as células tronco de cordão umbilical não tem as características necessárias para provocar rejeição no sistema imunológico! Ou seja, não é necessário encontrar um doador compatível!
Não há rejeição!
Ora… o tratamento é EXATAMENTE  com células tronco de cordão umbilical!
Aproveito para lembrar também que o transplante de medula óssea nada mais é do que um transplante de células tronco ADULTAS. Ou seja, nos mais de 40 anos de história de transplantes de medula óssea, NENHUMA pessoa tratada desenvolveu tumores como resultado do tratamento.
Quem quiser assistir a reportagem do Jornal Nacional na íntegra, segue o link:
Para mais algumas informações sobre o tratamento no blog da Clarinha o Pai dela atualiza divinamente e exemplifica todo o procedimento visitem ! 
http://www.umrealporumsonho.com.br/blog/tag/celulas-tronco/


Celulas Troco reverteu paralisia cerebral 

A terapia com sangue de cordão umbilical foi cogitada como uma possível cura para a paralisia cerebral, mas ainda não foram feitos testes científicos que provassem sua efetividade.
Entretanto, a possibilidade deu um salto quando a família de Dallas Huxtell, uma criança de 2 anos, apareceu no Today Show (programa da TV americana), em março de 2008.
Os pais afirmaram que o tratamento de Dallas com suas próprias células-tronco reverteu os sintomas de sua paralisia cerebral.
Antes do tratamento, o menino tinha pouco tônus muscular, habilidades motoras deficientes e atraso no desenvolvimento.
Hoje, seus médicos afirmam que é possível que, por volta dos 7 anos de idade, ele não apresente mais nenhum sintoma da paralisia cerebral. Esse é apenas um caso, mas já deu esperanças aos portadores de PC.

Veja este incrivel depoimento
http://recantodasletras.uol.com.br/artigos/387723

Tratamento para a paralisia cerebral

Uma vez que o médico diagnostica uma criança com paralisia cerebral, ele discute com os pais uma opção de tratamento. A intervenção precoce permite que a criança tenha mais chance de aprender a lidar com suas deficiências e encontrar formas alternativas para realizar tarefas que possam ser desafiadoras.
Mesmo quando o diagnóstico da PC é feito quando a criança ainda é um bebê, ela é submetida à fisioterapia o quanto antes para fortalecer seus músculos. Algumas pessoas com paralisia cerebral sofrem de contraturas musculares, que ocorrem quando os músculos se contraem devido à espasticidade. Alongá-los pode evitar que isso aconteça. E também aumenta as chances da criança de poder sentar, andar e realizar outras atividades físicas com o máximo de eficiência. Muitas pessoas com PC também recebem massagens e aprendem posições de ioga que ajudem a alongar os músculos e mantê-los flexíveis.

Outras terapias também podem ser úteis, dependendo do tipo de PC específica da criança. Por exemplo, crianças com o tipo atetóide/discinética normalmente têm dificuldade para respirar, falar e comer; então, o tratamento com um patologista de fala/linguagem pode ajudá-las a fortalecer os músculos faciais e falar claramente. Algumas crianças com paralisia cerebral utilizam métodos alternativos de comunicação, como o Blissymbols, um sistema de escrita ideográfica, ou sintetizadores de voz computadorizados. A terapia ocupacional pode ajudá-las com as tarefas básicas, como tomar banho e comer sozinhas.

Existem alguns medicamentos que as pessoas com paralisia cerebral tomam para diminuir a espasticidade e limitar os tremores, como o relaxante muscular Benzodiazepina, mas eles nem sempre são eficazes e podem provocar efeitos colaterais indesejados. Recentemente, os médicos começaram a usar injeções de Botox nos músculos tensos para relaxá-los. Em algumas crianças com PC severamente espástica, são implantadas bombas no abdômen, através de cirurgia, que enviam ininterruptamente um fluxo de medicamento antiespasmódico chamado Baclofen.




Total de visualizações de página